Imprensa

Jovem tucano-de-bico-verde recebe “treinamento de voo” e é devolvido a Mata Atlântica por profissionais da Arteris Litoral Sul

17 de janeiro de 2020

Filhote foi encontrado desorientado, ainda no mês de dezembro, na BR-376 em Guaratuba-PR. Desde então recebeu cuidados especiais até ser solto na tarde de ontem, em seu habitat natural

 

Tucano-de-bico-verde ou Ramphastos dicolorus

Joinville, 17 de janeiro. Um jovem tucano-de-bico-verde se prepara para levantar voo pela primeira vez. Ele cria coragem, avalia, instintivamente, as condições do vento e tenta, do topo de uma árvore, planar. Sua tentativa é frustrada e ele cai desorientado no asfalto da rodovia BR-376, na altura do km 665 em Guaratuba-PR.

Assustado, o tucano foi recolhido pela equipe de Meio Ambiente da Arteris Litoral Sul, ainda no dia 13 de dezembro de 2019, e encaminhado para uma clínica veterinária conveniada. Por lá, foi constatado que tratava-se de um jovem filhote sem ferimentos – apenas com dificuldades para alçar voo, visto que suas plumagens ainda não estavam completamente formadas.

Desde então, recebeu cuidados especiais com alimentação reforçada, incluindo suplementos vitamínicos, para estimular o crescimento e formação do animal. Além disso, ele recebeu “instruções de voo” com orientação dos veterinários – que estimularam a ave em mini-sessões de treinamento por 34 dias – fortalecendo a musculatura das asas.

A hora de devolvê-lo a mata

E na tarde de ontem, 16, chegou o dia de devolvê-lo ao seu habitat – agora já pronto para voos altos e definitivos. Profissionais da concessionária levaram o animal na mesma região em que foi encontrado e fizeram a soltura. “Temos um forte compromisso com a flora e a fauna silvestre nas regiões em que atuamos. E iniciativas como essa, de respeito e cuidado com este exemplar do tucano-de-bico-verde, só evidenciam a importância desse trabalho. Temos orgulho de ver o comprometimento dos nossos profissionais para possibilitar gestos como o primeiro voo deste animal característico da mata atlântica”, avalia Daniela Bussmann, coordenadora de Meio Ambiente.

O cuidado com os animais silvestres é uma prática da concessionária que tem, na sustentabilidade, um de seus principais valores. As equipes de campo são treinadas para preservação da fauna silvestre – sempre acionando a equipe de Meio Ambiente em situações como essa – em que o animal foi encontrado desorientado.

Sobre o tucano-de-bico-verde

O tucano-de-bico-verde (Ramphastos dicolorus) é uma espécie bastante frequente no trecho da Litoral Sul, principalmente na região entre Guaratuba/PR e Joinville/SC, onde consideráveis fragmentos florestais aproximam-se da rodovia. Destaca-se pelo peito vermelho, o bico em tom verde fluorescente e a vocalização rouca. São animais onívoros, ou seja, alimentam-se de frutos, insetos, ovos de outras aves e até mesmo pequenos vertebrados como roedores, pequenos répteis. Alimentam-se, também, de filhotes de aves ou aves adultas de pequeno porte.



Mais noticias

Ver todas