• 20/10/2014

    Arteris patrocina maior retrospectiva da obra de Salvador Dalí

    A Arteris, empresa responsável pela administração de mais de 3.200 km de rodovias brasileiras, está patrocinando a vinda para o Instituto Tomie Ohtake, em São Paulo, da exposição Dalí, que oferece ao público a partir deste domingo (19/10) uma retrospectiva completa e inédita da obra do artista espanhol Salvador Dalí (1904-1989), incluindo obras de dois distintos acervos espanhóis: Fundação Gala-Salvador Dalí e Museu Reina Sofia.

     

    A mostra chega à capital paulista depois de uma temporada de sucesso no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro, onde recebeu mais de 978 mil visitantes. A expectativa dos organizadores é que na capital paulista a exposição de Dalí supere a marca de 1 milhão de visitantes.

     

     

    A temporada da exposição na Europa também foi um sucesso de público. Em Paris, onde a exposição foi montada pela primeira vez em novembro de 2012, 790 mil pessoas visitaram o Centro Pompidou. Em Madrid, 732 mil foram visitar o Museu Reina Sofía para apreciar a obra do artista. Em ambas as oportunidades a mostra recebeu o patrocínio da Fundação Abertis, organização sem fins lucrativos vinculada à Abertis, empresa especializada em concessões públicas que é uma das acionistas da Arteris.

     

     

    "A Arteris e a Fundação Abertis estabeleceram o objetivo de colaborar para a vinda a da exposição de Salvador Dalí para São Paulo desde que ela foi montada em Paris. Desde então, atuamos como um facilitador para apoiar os esforços do Instituto Tomie Ohtake em receber esta retrospectiva", afirma o presidente da Arteris, David Díaz. "A valorização da cultura é um dos pilares do nosso trabalho de responsabilidade social corporativa e estamos muitos satisfeitos por participar deste momento. Não existem dúvidas de que será um sucesso de público".

     

     

    A exposição oferece uma oportunidade única para o público conhecer a obra do artista espanhol, oferecendo uma retrospectiva que tem início nos anos 1920 e dá destaque para a fase surrealista que celebrizou Dalí.

     

     

    Ação social e educativa

     

     

    No Rio de Janeiro, a Arteris foi responsável por levar à exposição no Centro Cultural Banco do Brasil um grupo de 480 crianças e adolescentes com deficiência intelectual. Todas são atendidas por entidades assistenciais. A iniciativa será repetida em São Paulo. Desta vez, o objetivo é que os jovens também participem de oficinas de arte no Instituto Tomie Ohtake.

     

    Serviço

    Data de visitação - 19 de outubro de 2014 a 11 de janeiro de 2015
    Horário - de terça a domingo, das 11h às 20h
    Entrada franca
    Instituto Tomie Ohtake
    Av. Faria Lima 201 (Entrada pela Rua Coropés, 88) - Pinheiros, SP
    Fone: 11 2245 1900