Imprensa

Quarenta escolas públicas foram destaque em atividades de educação para o trânsito em 2019

26 de dezembro de 2019

Em parceria com instituições de ensino, o Projeto Escola Arteris leva temas de segurança no trânsito às salas de aula e comunidades lindeiras às rodovias administradas pela companhia. Em 18 anos, foram beneficiados cerca de 315 mil alunos e mais de 18 mil professores em 660 escolas

Quarenta escolas públicas de cinco estados brasileiros foram homenageadas pelo Projeto Escola da Arteris. Oito instituições de ensino ganharam o prêmio Destaque 2019 e 32 receberam “Menção Honrosa”. Para elencar as vencedoras, a coordenação do Projeto definiu as escolas que melhor difundiram os ensinamentos do programa “Educar para humanizar o trânsito”. Para isto, foram avaliados a diversidade e a criatividade no uso do material didático disponibilizado, a mudança no comportamento da comunidade escolar e o envolvimento e a mobilização de pais, alunos e família com as questões tratadas.

A partir do argumento de que a educação é o melhor caminho para humanizar o trânsito, torná-lo mais seguro e criar condições para o respeito à vida nas estradas e cidades, em seus 18 anos de existência, o Projeto Escola já impactou 315 mil alunos e capacitou mais de 18 mil professores de 664 escolas da rede pública de ensino e APAEs.  O programa, que atualmente faz parte do catálogo da Organização das Nações Unidas de Boas Práticas Corporativas de Respeito e Apoio aos Direitos da Infância – o Pacto Global, envolve alunos da Educação Básica, ensinos Fundamental e Médio e EJA (Educação de Jovens e Adultos) de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Santa Catarina e Paraná.

“O Projeto Escola tem início com a criação de importantes parcerias com as secretarias municipais de educação das mais de 100 cidades lindeiras às rodovias sob concessão da Arteris. Posteriormente, é feita a capacitação e entrega dos materiais didáticos aos educadores das escolas públicas. Ao longo de todo ano, os professores, por meio de ações pedagógicas, trabalham com seus alunos valores que envolvem a humanização do trânsito, a cidadania, a ética e o convívio social. Por isso, o sucesso do Projeto está diretamente ligado ao engajamento de todos os envolvidos. A premiação é uma forma de homenagear e agradecer nossos parceiros pela dedicação e comprometimento”, explica a Coordenadora de Sustentabilidade, Maria José Finardi.

Cartões de Natal

Durante o encerramento, também foram premiados os desenhos dos alunos vencedores do 6º Concurso de Cartões de Natal. O concurso aconteceu entre os estudantes das escolas acompanhadas pelo Projeto nos municípios às margens das rodovias administradas pela Companhia. A partir do tema “Foco contra a distração”, a atividade estimulou não só a criatividade, como também a visão cidadã dos participantes. Por se tratar de um concurso de Natal, os alunos também precisaram incluir nos desenhos o cenário natalino.

Os trabalhos foram divididos em seis categorias, de acordo faixa etária e período escolar dos participantes. Foi escolhido um desenho por categoria. Exemplo de que nunca é tarde para aprender e acreditar nos sonhos, aos 53 anos, Argentina Maria Rosa da Silva, é aluna do 1º ano do Ensino Fundamental I da E.M Professor Dr. Onofre Vargas, em Camanducaia. Diarista, ela vive na zona rural do município mineiro e enfrenta um longo percurso para ir e voltar do trabalho. Ao chegar em casa, sobra tempo apenas para um banho rápido e já está na hora de seguir para a escola. Argentina conta que, quando decidiu participar do concurso, não imaginava que poderia ser uma das vencedoras, mas quis tentar. “Não acreditei! Fiquei feliz da vida por receber este prêmio”, conta.



Mais noticias

Ver todas