0800 001 1255
Ouvidoria




Sobre a concessão

A Arteris ViaPaulista iniciou sua operação em 2017, sendo responsável por 285 quilômetros das rodovias SP-255 e SP-281 entre as cidades de Araraquara e Riversul. Em julho de 2019, após a conclusão do contrato da Arteris Autovias, foram transferidos à administração da concessionária 316,5 quilômetros nas regiões de Ribeirão Preto, Franca e São Carlos, além da incorporação de mais de 100 quilômetros de rodovias vicinais, totalizando 720 quilômetros que interligam 35 municípios. A Arteris ViaPaulista permite o escoamento de uma produção agrícola e industrial diversa e configura importante acesso para a região Sul do país. O contrato de concessão da empresa prevê investimentos em obras e recursos operacionais durante os 30 anos de vigência.

O Trecho Administrado

As rodovias da ViaPaulista são:

    Rodovias Principais

  • Rodovia Antônio Machado Sant’Anna (SP-255), entre os quilômetros 2+800m e 83+200m – Ribeirão Preto a Araraquara;
  • Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-255), entre os quilômetros 83+200m e 147+300m – Araraquara a Jaú;
  • Rodovia Otávio Pacheco de Almeida Prado (SP-255), entre os quilômetros 155+770m e 179+600m – Jaú a Barra Bonita;
  • Rodovia Deputado João Lázaro de Almeida Prado (SP-255), entre os quilômetros 179+600m e 198+700 – Igaraçu do Tietê a São Manuel;
  • Rodovia João Mellão (SP-255), entre os quilômetros 198+700m a 237+770m – São Manuel a Botucatu;
  • Rodovia Eduardo Saigh (SP-255), entre os quilômetros 288+190m e 320 – Itaí a Taquarituba;
  • Rodovia Jurandir Siciliano (SP-255), entre os quilômetros 334+250m e 357+430m – Coronel Macedo a Itaporanga;
  • Rodovia Engenheiro Agrônomo Constante Pavan Júnior (SP-249), entre os quilômetros 144+150m e 158+400m – Taquarituba a Coronel Macedo;
  • Rodovia Aparício Biglia Filho (SP-281), entre os quilômetros 43+360m e 70+850m – Riversul a Barão de Antonina;
  • Rodovia Antônio Prado Galvão de Barros (SP-304), entre os quilômetros 293+910m e 295+930m – Jaú;
  • Rodovia Deputado Aldo Lupo (SP-257), entre os quilômetros 0 e 19+500m – Rincão a Américo Brasiliense;
  • Rodovia Engenheiro Thales de Lorena Peixoto Júnior (SP-318), entre os quilômetros 235+400m e 280 – Rincão a São Carlos;
  • Rodovia José Fregonese (SP-328), entre os quilômetros 289+830m e 302+060m – do acesso a Cravinhos pela Via Anhanguera até a SP-255;
  • Rodovia José Fregonese (SP-328), entre os quilômetros 304+310m e 306+820m – SP-255 a Bonfim Paulista;
  • Rodovia José Fregonese (SP-328), entre os quilômetros 307+600m e 311+930m – Bonfim Paulista até Ribeirão Preto;
  • Rodovia Cândido Portinari (SP-334), entre os quilômetros 318 e 406 – Ribeirão Preto a Franca;
  • Rodovia Engenheiro Ronan Rocha (SP-345), entre os quilômetros 10+500m e 39+100m – Franca a Itirapuã;
  • Rodovia Anhanguera (SP-330), entre os quilômetros 240+500m e 318+500m – Santa Rita do Passa Quatro a Ribeirão Preto.

    Rodovias de acesso (SPA) e vicinais

  • Avenida Presidente Castello Branco (SPA-307/330), entre os quilômetros 0 e 3+300m – do “Trevão” de Ribeirão Preto até a avenida 13 de Maio;
  • Rodovia Zequinha de Abreu (SPA-241/330), entre os quilômetros 0 e 11+270m – da Rodovia Anhanguera até Santa Rita do Passa Quatro;
  • Avenida Marechal Costa e Silva (SPA-318/330), entre os quilômetros 0 e 1+500m – da Rodovia Cândido Portinari até Ribeirão Preto;
  • Rodovia Rubens José Bombardi (SPA-085/255), entre os quilômetros 0 e 1 – Araraquara;
  • Rodovia Cottar Tannuri (SPA-106/255), entre os quilômetros 0 e 7+130m – Boa Esperança do Sul;
  • Rodovia Carlos Eduardo Rosin (SPA-112/255), entre os quilômetros 0 e 1+050m – Boa Esperança do Sul;
  • Rodovia Engenheiro José Luiz Beraldo (SPA-114/255), entre os quilômetros 0 e 1 – Boa Esperança do Sul;
  • Rodovia João Schmidt (SPA-115/255), entre os quilômetros 0 e 7 – Boa Esperança do Sul a Trabiju;
  • Rodovia Cônego José Mendes de Abreu Júnior (SPA-133/255), entre os quilômetros 0 e 5+100m – Boa Esperança do Sul a Bocaina;
  • Rodovia Professor Benedicto Montenegro (SPA-138/255), entre os quilômetros 0 e 4+620m – Bocaina;
  • Interligação Vereador Elias Damus (SPI-274/310), entre os quilômetros 0 e 2 – Araraquara;
  • Rodovia José Cicarelli (SPA-198/255), entre os quilômetros 0 e 5+700m – São Manuel;
  • Rodovia Paulo Coluço (SPA-043/281), entre os quilômetros 0 e 2+920m – Riversul;
  • Avenida Abdo Najn (SPA-077/255), entre os quilômetros 0 e 2+200m – Araraquara;
  • Via José Barbanti Neto (SPA-074/255), entre os quilômetros 0 e 4+400m – Américo Brasiliense;
  • Rua Domingos Zanin (SPA-271+310), entre os quilômetros 0 e 0+580m – Araraquara;
  • Rua Manoel Borba (SPA-004/257), entre os quilômetros 0+800m e 4+500m – Américo Brasiliense;
  • SPA-179/255, entre os quilômetros 0 e 0+300m – Igaraçu do Tietê;
  • SPA-196/255, entre os quilômetros 0 e 2+330m – São Manuel;
  • SPA-338/255, entre os quilômetros 0 e 0+930m – Coronel Macedo;
  • SPA-051/255, entre os quilômetros 0 e 12+160m – Rincão;
  • SPA-214/255, entre os quilômetros 0 e 0+530m – Pratânia;
  • SPA-321/334, entre os quilômetros 0 e 4+300m – Jurucê;
  • SPA-334/334, entre os quilômetros 0 e 9+700m – Jurucê;
  • SPA-348/334, entre os quilômetros 0 e 3+050m – Batatais;
  • SPA-352/334, entre os quilômetros 0 e 2+118m – Batatais;
  • SPA-384/334, entre os quilômetros 0 e 4+200m – Restinga;
  • SPA-397/334, entre os quilômetros 2+440m e 9+800m – Restinga a Franca;
  • SPA-011/345, entre os quilômetros 0 e 1+220m – Itirapuã;
  • SPA-020/345, entre os quilômetros 0 e 2+100m – Patrocínio Paulista.

Operação da Rodovia

A Arteris ViaPaulista conta com uma estrutura completa para prestar atendimento aos usuários que trafegam pelo seu trecho. Os usuários têm à disposição, nas rodovias, serviços de atendimento médico pré-hospitalar de urgência, atendimento a veículos com problemas mecânicos, resgate de animais na pista, viaturas para combate a incêndio (caminhões-pipa), viaturas de inspeção de tráfego e o telefone 0800-001-1255 para solicitar atendimento, tudo operando 24 horas. Os recursos operacionais disponíveis são:

  • 19 ambulâncias básicas;
  • 2 ambulâncias UTIs;
  • 12 guinchos leves;
  • 7 guinchos pesados;
  • 21 SAUs (Serviço de Atendimento ao Usuário);
  • 2 viaturas de apreensão de animais;
  • 13 inspeções de tráfego;
  • 2 caminhões-pipa;
  • 2 Postos Gerais de Fiscalização;
  • 2 áreas para descanso de caminhoneiros.
Tabela de
Tarifas

Restrição
de Cargas

Entenda Nossas Tarifas

Faixa de
Domínio

Investimentos e obras

O contrato de concessão da Arteris ViaPaulista prevê investimentos de mais de R$ 5 bilhões em obras e recursos operacionais durante os 30 anos de vigência, dos quais R$ 3,25 bilhões serão efetivados já nos primeiros 10 anos. Do total, R$ 1 bilhão é destinado às obras principais de ampliação da malha rodoviária, R$ 2,4 bilhões referentes à restauração e conservação, além de implantação de equipamentos e sistemas, bem como outras melhorias nas pistas. No primeiro ano de contrato, foram investidos mais de R$ 443 milhões no trecho. Desses, R$ 100 milhões integraram o Programa Intensivo Inicial (PII), obras emergenciais no pavimento, sinalização e área de domínio da estrada para que o trecho fosse adequado aos parâmetros do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo. Também foram realizados serviços de tapa-buracos em todo o lote e de remoção de arbustos e árvores da área de domínio que comprometam a segurança viária ou o sistema de drenagem. Ao longo dos próximos anos, mais de 280 quilômetros de rodovias serão duplicados. A concessionária investe na tecnologia e oferecerá rede wi-fi para solicitação de serviços operacionais via smartphone, monitoramento de 100% do trecho via circuito de câmeras e outras melhorias.

ISS para os munícipios lindeiros

Todos os municípios cortados pelos 720 quilômetros do sistema Arteris ViaPaulista têm direito a receber o repasse do ISS (Imposto Sobre Serviços). Com esse benefício, as cidades têm suas receitas ampliadas. Os recursos do ISS podem ser utilizados pelas Prefeituras da forma como quiserem, em áreas sociais, de infraestrutura e outras, sem qualquer ingerência da concessionária. O valor é calculado sobre a alíquota de 5% sobre a receita de arrecadação da praça de pedágio ao longo da rodovia, proporcional à distância ocupada no município.


Notícias e releases

Ver todas de ViaPaulista